segunda-feira, 30 de julho de 2012

Figuras de praia: o banheiro




O banheiro foi, durante muito tempo, uma figura incontornável nas praias portuguesas. Competia-lhe explicar aos veraneantes "os segredos" do mar e da praia e, não raras vezes, era ele quem dava os  banhos - que consistiam em dar "mergulhos" de acordo com as instruções dadas pelas mães. Cinco mergulhos, por exemplo, equivalia a ser agarrado  na cabeça  pelo "banheiro" e ser mergulhado na água cinco vezes seguidas, vindo à tona só para respirar- e pouco....
Muitas crianças aprenderam a nadar com o "banheiro", figura que acumulava  funções com a de nadador-salvador e, às vezes, de montagem das barracas.
O "Banheiro" do meu tempo nada tinha a ver com a figura do nadador -salvador de hoje. Era um homem do mar, normalmente rude, em nada semelhante com as figuras das Marés Vivas que a imagem reproduz... mas como não tenho fotos dos "banheiros" do meu tempo, fica esta que é bem mais agradável... 
Eu, pelo menos, não me importava nada que ela me salvasse e fizesse respiração boca a boca!

7 comentários:

  1. Caro Carlos,
    Claro que pode trazer o selo da amizade.
    Aproveito para lhe oferecer o meu selo, uma ostra com uma pérola que se encontra na barra direita com entitulado 'O meu selo'.
    Todos os outros que ofereci, e se encontram postados no marcador 'selos' ou 'desafios ou, ainda, 'blogosfera', estão à sua disposição. Faça-os seus, se lhe aprouver.

    Quanto aos banheiros, essa dos mergulhos já nem me lembrava.
    Os tempos andam a mudar tão rápido!
    Há senhores das marés vivas com músculos bem definidos. Não engulo essa de que não encontrou outra fotografia. Pois!

    Beijinho

    ResponderEliminar
  2. Carlos
    Os banheiros tradiocinais usavam bóias. Neste caso são dispensáveis. Mas atenção que a respiração boca a boca nem sempre resulta...
    Abraço
    Rodrigo

    ResponderEliminar
  3. Eu não me lembro dos tais banheiros, mas acho que a moçoila da fotografia não está aí para salvar ninguém, mas antes a pedir um bom mergulho.

    ResponderEliminar
  4. CARLOS,interessante como embora o idioma seja o mesmo, muitas palavras têm um sentido totalmente diferente. Aqui ¨banheiros¨ são outra coisa. Assim, comecei a ler e só depois me toquei que voce se refere aos salva vidas.

    ResponderEliminar
  5. Pois, com esta eu também ficava bem.
    Com os banheiros dos meus tempos de praia??
    Porra!!!

    ResponderEliminar
  6. Loira, big boobies, t-shirt encarnada... é falta! :)))

    ResponderEliminar
  7. Pois, pois, com uma banheira destas... :)

    ResponderEliminar