sábado, 28 de julho de 2012

Porque hoje é sábado

"Após ter surripiado por três vezes a compota da despensa, o pai admoestou-o. Roubo a caixa do sr. Esteves da mercearia, o aí pô-lo na rua.
Voltou 22 anos depois, com chófer fardado.Era director-geral da Polícia. O pai teve um enfarte"
( Mário Henrique Leiria- Contos do Gin Tónico)

7 comentários:

  1. Carlos
    O Pai sobreviveu ao enfarte?
    Era só para saber como é que percebeu tamanha evolução.
    Abraço
    Rodrigo

    ResponderEliminar
  2. Pois.. Devia ter lido o livro! Mas não li.

    ResponderEliminar
  3. Sinceramente, não sei, Rodrigo, porque o Mário Henrique Leiria não nos esclarece sobre isso
    É um belo livro de estórias e contos (muitos deles assim curtos) que se mantêm muito actuais. Este até o decorei
    Abraço

    ResponderEliminar
  4. Já conhecia. (Mas o Carlos roubou algumas palavras e letras ao Mário-Henrique Leiria: é preciso devolvê-las ao lugar. Se ler com atenção vai ver que não minto.)

    ResponderEliminar
  5. Viva Carlos!
    Que imperdoável é eu ainda não ter lido estes contos...

    ResponderEliminar
  6. "GIN SEM TÓNICA"

    "Uma garrafa de gin
    estava a preocupar
    o pescador
    a garoupa e o rodovalho
    não tinham aparecido
    pró jantar
    que fazer?
    telefonou ao ministro
    da Pesca e do Trabalho
    mas o ministro
    estava a trabalhar na cama
    com a mulher
    foi então
    que a garrafa de gin
    sugeriu discretamente
    porque não
    telefonar ao presidente?
    telefonaram mas o presidente da nação
    estava em acção na cama
    com a mulher nessa altura
    até que enfim
    encontraram a solução
    o pescador
    foi para a cama
    com a garrafa de gin."

    Para mim, este é o mais actual de toda a série dos gins tónicos!
    Cada qual tem de encontrar a sua própria solução...

    ResponderEliminar
  7. Não li, talvez ainda venha a ler, parece ser interessante.
    Bom fim de semana Carlos

    Beijinho e uma flor

    ResponderEliminar