sexta-feira, 10 de agosto de 2012

Ainda é cedo para me confessar...

Não sou fanático de futebol, nem de qualquer desporto em particular. Não perco muito tempo a ver  Europeus e Mundiais de Futebol. Vejo os jogos da nossa selecção e pouco mais. Não perco muito tempo diante do televisor, porque só vejo aquilo que realmente me interessa. E é muito pouco...
No entanto, quando chegam os  Jogos Olímpicos, passo horas diante do televisor. Papo tudo o que posso: judo, remo, canoagem, ténis de mesa, badmintos,  atletismo, natação, and so on. Mas prescindo do futebol e do ténis e halterofilismo nem vê-lo.
Confesso-vos, pois, que sou viciado em JO e ando com uma soneira que nem vos passa pela cabeça, pois fico a ver até tarde as gravações das provas do dia e, ao contrário do que é habitual, tenho-me levantado cedo.
Não é este, no entanto, o meu único vício ou pecado. Num assomo (sei lá de quê!!!) tinha pensado aproveitar esta confissão para iniciar uma série onde vos revelaria os meus pecados. Só que depois pensei que isso não é rubrica própria para o Verão. Vai daí, se quiserem conhecer as minhas fraquezas vão ter de esperar até Outubro porque a série que aqui se inicia na próxima semana é mais apropriada para o Verão.
Conto com a vossa colaboração. Depois, explico como, ok?

7 comentários:

  1. Então vamos aguardar essas explicações, Carlos! No que for possível, a colaboração está garantida da minha parte... :)

    ResponderEliminar
  2. Tb não sou fanática por televisão. Vejo telejornais, programas de economia, o eixo do mal e um ou outro debate.

    Dos JO apenas vejo as provas de natação , atletismo e ginástica.

    Aguardo pelas fraquezas!!!

    Beijos.

    ResponderEliminar
  3. Carlos
    Vai ser bonito, vai!!!
    Abraço
    Rodrigo

    ResponderEliminar
  4. Vamos ver se as fraquezas não se referem apenas aos excessos gratronómicos. Adoro cuscar os calcanhares de Aquiles alheios.
    Aguardemos pois...se as confissões necessitam de algum tempo mais frio, imagino o calibre das ditas...
    Muito tu gostas de nos deixar em suspense...

    Beijinhos em suspensório.:))

    ResponderEliminar
  5. Olá, Carlos! acabei de vir do seu outro blog e vim conhecer este também.
    Li o seu texto anterior "Gracias a la vida" e gostei muito. É muito prazeroso te ler, tens uma escrita bem envolvente. Participe com os seus textos nos blogs que indico, para onde voce pode enviar seus textos. Eles merecem ser mais divulgados,voce é um excelente escritor.
    Foi um prazer enorme te conhecer. É a isso que me refiro quando me perguntam pq cresço devagar. Por que sou mais a qualidade do que a quantidade. Vou escolhendo por aí...

    Um abraço, querido!

    ResponderEliminar