quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Praças da minha vida (11)


No início dos anos 80, a Place du Tertre ainda era relativamente calma. Por ali paravam alguns músicos e pintores, mas era possível tomar calmamente uma bebida numa esplanada, depois da visita ao Sacré Coeur e de uma foto tirada nas escadarias, tendo Montmartre como pano de fundo.
Hoje, torna-se mais difícil encontrar um lugar numa esplanada, onde possamos relaxar enquanto apreciamos os edifícios que a envolvem. Conseguir um bom  ângulo para tirar uma fotografia que realce a sua beleza, é tarefa ciclópica. Mas ir até à Place du Tertre ao final da manhã, ou ao cair da noite, continua a ser obrigatório em cada ida a Paris.

4 comentários:

  1. EStou completamente de acordo!!

    Um bom dia, amigo meu

    ResponderEliminar
  2. A última vez que estive na Place du Tertre nada tinha de calma, e apesar de estar um pouco irritada com tantos turistas, tirei lá fotografias, como também ao Sacré Coeur com as respectivas escadarias.

    Montmartre é para mim, o bairro mais interessante da cidade da luz.

    Carlos, também eu tenho montes de fotografias com praças famosas, que já lhas podia ter mandado; mas como sou teimosa como uma burra ( quando tenho uma ideia não há nada, nem ninguém, que ma tire da cabeça), o que eu quero dizer é que, a fotografia da praça tem de ser recente e tirada com a minha COOLPIX L810.

    Volto à noite!

    ResponderEliminar
  3. Quando lá fui pela primeira vez (em 77) um novo mundo se abriu diante dos meus olhos!

    ResponderEliminar