domingo, 9 de setembro de 2012

Férias no Brasil



-Hey pá, há quanto tempo!... ‘tiveste de férias?
- ‘tive, pois. Em Agosto qu’ é que querias que eu fizesse?
- E onde ‘tiveste ?
- No Brasil...
- E então, foi porreiro?
- Eh pá, vamos ali tomar um cafèzinho que eu conto-te tudo...
- ‘Tá na hora de ir trabalhar...
- Eh pá, são só cinco minutos....
( dez minutos depois, num café próximo do Saldanha)
- Então, conta lá... mas não fales com sotaque, pá, porque estamos em Portugal
- Hey, meu, nem imaginas... aquilo no Brasil é só gajas a abrir!
- Sim, ‘tá bem, já sei, mas e as praias?
- As praias? Porreiras, meu! Só gajas do melhor. É cada biquini que nem te passa pela mona. Muito melhor que o “Passerelle” Tudo descascado e um gajo não tem que pagar p’ra ver! 
- Olha lá, mas tu foste passar férias ao Brasil só para ver gajas?
- Não, pá, também tomei umas banhocas e bebi umas caipirinhas do camandro. Cá, estes gajos não sabem fazer caipirinhas, é tudo tanga...
- Olha lá , mas onde ‘tiveste?
- ‘tive num risórte do c... Só gajas boas e um luxo do melhor!
- E onde é que era isso?
- Na Baia, meu!
- Ah! Dizem que essa cidade é muita gira
- Olha, essa coisa pergunta à Odete, que ela é que sabe. Foi lá c’os catraios duas ou três vezes, mas eu antes queria ficar no risórte. Enfardava umas picanhas ao almoço, bebia duas ou três caipirinhas e depois ia à soneca. Aquilo é que é vida, pá!
- Nunca foste à cidade?
- Fui uma vez à noite com uns bacanos portugueses para curtir e ver umas gajas, mas aquilo é muito caro, pá...
- Diz-me lá uma coisa. Porque é que escolheste o Brasil?
- Eh pá, sabes como é... já estou farto de ouvir os putos todos os anos. Quando começam as aulas chegam a casa todos enxofrados. Um colega que foi para o México, outro para Cuba, outro para o Brasil e outro para casa do c... e os meus putos a dizer que passaram férias na Caparica! Tive que lhes fazer a vontade, porra!
- Eh pá, sempre podias ter pensado em ti... se era p’ra veres gajas, podias ter ido à Tailândia que sempre são diferentes.
- Boa ideia, se calhar p’ró ano é lá que eu vou... E tu, onde fizeste férias?
- Férias, eu? ‘tás mas é maluco! Ter c’aturar a patroa e a filharada durante um mês? Lá me fui arranjando por cá com umas “escapadinhas”, tudo jóia e sem dar nas vistas que a vida é mesmo assim...
- ‘tá bom! Olha lá, está na hora do almoço... se fossemos comer um peixinho ali ao “Manel”? ‘tou farto de carne , meu
- Bora lá...
( Texto reeditado, a partir do original, publicado no CR em 2007) 

6 comentários:

  1. Exceptuando os comentários sobre o sexo oposto (pelo menos, à minha frente não foram referidos), conheço uma senhora que foi durante três anos consecutivos para a ilha do Sal (Cabo Verde) e não saiu de Santa Maria!!!!

    Um bom domingo, amigo meu.

    ResponderEliminar
  2. Não quero fazer férias no Brasil!!!

    Eu QUERO fazer férias em Portugal, ou antes, no PORTO; lá também há gajos muito bacanos!!!

    ResponderEliminar
  3. Divertida e engraçada crônica.abraços,chica

    ResponderEliminar
  4. Será que é a este tipo de fulanos a que chamam "machos latinos"?!
    Epá, que enjoo de conversas.
    Até parece que só as garotas brasucas é que são bacanas...lol

    Beijos.

    ResponderEliminar
  5. E o gajo foi passar férias onde?
    Pois, onde havia umas gajas boas e caipirinhas e carne e... gajas!
    Porque outros também lá foram antes.

    Quantos há assim, Carlos?

    ResponderEliminar