sábado, 24 de novembro de 2012

A mulher que mordeu o cão

Todos os dias há  professores que são ameaçados e agredidos pelos alunos, mas isso já deixou de ser notícia. 
Ontem o Correio da Manha fazia chamada de capa para uma professora que agrediu um aluno. 

8 comentários:

  1. Agrediu? E qual o motivo? Não seria auto-defesa? Porque por aquilo que se sabe é bom que a classe docente comece a saber artes marciais!

    Os dentes de Paulo Portas já não brilham tanto? Então, meu caro, isso não é falta de manutenção, mas sim o verdete de todos os sapos que tem sido obrigado a engolir, rrsss

    Bom serão.

    ResponderEliminar
  2. Se a professora chegou a esse ponto, nos dias de hoje, deve ter ouvido das "boas" antes de ter que reagir assim ! Por mim, acho muito bem ! :))

    ResponderEliminar
  3. Carlos,
    Saramago é que tinha razão
    quando disse:

    "Sejamos cães...do cão"!

    Beijos.

    ResponderEliminar
  4. Bons tempos em que o professor era respeitado!

    Tempos em que se honravam os valores!

    Beijos.

    ResponderEliminar
  5. Então, Carlos, continua amuado comigo?

    Até ao Natal fazemos as pazes, não é verdade?

    Entretanto, posso continuar a irritá-lo com os meus comentários?

    Eu ladro, mas não mordo!!!

    ResponderEliminar