domingo, 24 de março de 2013

À mesa do café com... Os Heróis do Mar



Esta é a última conversa da Rua dos Cafés.  Quero começar por agradecer a todos que me felicitaram pelo 1º aniversário do Crónicas on the rocks e prometer que tentarei fazer o melhor possível, para que no próximo ano sejam muitos mais a frequentar este espaço.
 Hoje não haverá estória, mas sim os meus agradecimentos a todos/as leitores/as  que abrilhantaram as tardes de domingo aqui no On the rocks durante mais de três meses, com os seus comentários às estórias que aqui foram contadas por quem participou neste desafio e cujos nomes abaixo recordo.
No entanto, para que a chamada não se faça em silêncio, trouxe hoje a música dos Heróis do Mar para abrilhantar esta despedida.
Já seguiram o link e começaram a ouvir a música?
 O café de que  nos fala tanto pode ser em Itália, como em França ou em Angola; em Lisboa, ou no Porto; em Coimbra ou no Algarve; numa pequena aldeia, ou numa grande metrópole. Ao longo de mais de três meses, foi a esses locais que nos levaram as estórias que vocês tão amavelmente partilharam connosco e, tenho a certeza, animaram as tardes de domingo.
Então agora vou fazer a chamada ao palco, por ordem de entrada em cena, para agradecimentos individualizados:
Safira
João Roque
Pedro Coimbra
Catarina
Janita
Margarida
Teté
São
Kim
Dona Redonda
Laura
Ematejoca
Luísa

Um grande aplauso para todos/as (clap, clap, clap) e muito obrigado pela vossa colaboração.Espero que continuem a visitar o On the Rocks nas tardes de domingo pois, mesmo sem Rua dos Cafés, haverá aqui crónicas de vida, ou de viagens. À hora habitual deixarei aqui a estória e depois venho conversar convosco. Valeu?

21 comentários:

  1. Claro que valeu! Foi divertidíssimo, Carlos!

    E aqui virei sempre, com café ou sem ele. :)

    Beijinho

    Laura

    ResponderEliminar
  2. Valeu! Conheci aqui alguns bloggers interessantes e gotei muito das crónicas...
    Cá estarei para o lanche nos próximos domingos!

    ResponderEliminar
  3. "Tudo VALE a pena quando a Alma não é pequena!"

    ( VALEU? = DE ACORDO?!? )

    Não é Catarina?:)

    ResponderEliminar
  4. Claro que estarei por aqui...é já uma deliciosa rotina!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  5. CLAP, CLAP, CLAP !

    Gostei muito dos vossos cafés e desta belíssima ideia.
    Estão todos de parabéns a ver se para a próxima também consigo participar desta vez não deu.
    xx

    ResponderEliminar
  6. Nada tens a agradecer-me, amigo.

    E claro que aqui estarei sempre, não te vês assim livre de mim tão facilmente, rrsss

    Abraço grande , esperando mais desafios.

    ResponderEliminar
  7. Estão mesmo de parabéns!
    Confesso que não li todas as crónicas porque nem sempre me lembrava de clicar lá!
    Também pensei falar do meu café ou cafés de juventude mas deixei passar o prazo...
    Sou assim para o lento! :-((

    Abraço

    ResponderEliminar
  8. Foram momentos simpáticos, apesar de ser sempre um risco dar a conhecer uma parte de nós a alguém que não nos conhece fisicamente e que daí poderá retirar ilações menos abonatórias.
    Mas também, ao fim de algum tempo ficamos com a sensação de que já conhecemos todos há um ror de tempo.
    São muito simpáticas as pessoas que por aqui passam, talvez até por não se falar de política.
    Pela minha parte, gostei imenso de ter participado na Rua dos Cafés e da coordenação do Carlos.
    Um grande beijinho às participantes e um grande abraço aos restantes amigos.

    ResponderEliminar
  9. Ah Carlos... é um gosto passar por aqui. E sempre que puder hei de participar nos seus desafios. :)

    ResponderEliminar
  10. Pois por mim foi um prazer contar uma pequena historinha, mas mais ainda ler outras tantas histórias, numa amena cavaqueira domingueira a que não faltei! :)

    Obrigada pela iniciativa, Carlos!

    ResponderEliminar
  11. Estão de parabéns todos vós, eu raramente consigo entrar aqui ou no CR com o meu PC, só o consigo com o do Rodrigo, que é agora o que está acontecer, agora é ele que está aqui ao lado a teclar no meu.
    Boa semana Carlos

    beijinho e uma flor

    ResponderEliminar
  12. A visita aqui é obrigatória, Carlos.
    Já o é há um ano :)
    Aquele abraço e votos de boa semana!

    ResponderEliminar
  13. :) agradeço a possibilidade e a oportunidade de ter contado a minha história :D
    bjs. boa semana.

    ResponderEliminar
  14. Gostei muito de contar a minha aventura e de ler as dos outros leitores (mesmo que raramente em tempo útil para as poder comentar a todas com pertinência) e deste 'cumbíbio' semanal. As palmas são para si, Carlos, o maestro que lançou o repto para que estas muitas histórias soltas concorressem para um objectivo comum.
    Beijinho

    ResponderEliminar
  15. O meu aplauso a todos que colaboraram com a sua história e fizeram deste espaço amigo, um local de encontro enriquecedor e salutar.
    Bem haja a todos!

    beijinho

    ResponderEliminar
  16. Uma óptima ideia colocar uma lista dos nomes dos participantes, depois do stress das festas da Páscoa, vou ler todas as histórias, nas calmas, uma vez mais.

    Desta vez, até concordo com a Safira, as palmas são para o Carlos, pela fantástica ideia; o Carlos conseguiu tirar de nós histórias quase esquecidas e perdidas no tempo. OBRIGADA!

    Adorei todas as histórias, só a dos pudins é que..., mas o nosso Kim está perdoado, porque a história em Paris era verdadeiramente "geil!!!".

    ResponderEliminar
  17. E foi através da Rua dos Cafés que eu vim cá parar com a estória do Pedro Coimbra, e acabei por ficar :)

    Obrigado a todos pelas belas estórias, as quais me deixaram emoções à flor da pele, umas de deixar sorriso de orelha a orelha outras mais comoventes, mas todas muito especiais. Na maioria das vezes não foram lidas à hora certa mas foram lidas e apreciadas, espero numa próxima oportunidade poder participar :)

    Obrigado ao Carlos pela iniciativa!

    Abraços a todos

    ResponderEliminar
  18. Para mim valeu duplamente, pois ficaste a conhecer uma pessoa muito interessante, a Margarida, que aliás faz o favor de ser minha amiga.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. tenho muito gosto em ser tua amiga, :) e de me receberes tão bem na tua vida.

      Eliminar