sexta-feira, 8 de março de 2013

Já só restam as flores ( actualização)



Hoje comemora-se mais um Dia Internacional da Mulher.
Entre 2008 e 2011, no Crónicas do Rochedo, dediquei o mês de Março à mulher. Escolhi as mulheres nacionais e internacionais que mais admirei, contei histórias de mulheres vítimas de violência doméstica, escrevi uma carta à mulher portuguesa e muitos posts sobre as mulheres.
Ano passado, assinalei o dia  publicando posts de 2 em 2 horas, dedicados às mulheres.
Este ano, já só me restam flores para oferecer  a todas as leitoras que continuam a visitar-me.
Tenham um feliz Dia da Mulher!
Em actualização (afinal ainda consegui encontrar alguns motivos para escrever sobre mulheres hoje mas, como aqui política não entra, terão de fazer uma visita à sede. a partir das 15h30m.O último post será publicado às 22h40m)

12 comentários:

  1. Respostas
    1. Desculpe a minha pergunta, Carlos.

      Até compreendo muito bem o porquê.

      Vou ler outra vez as crónicas de 2008 a 2011.

      Um beijinho afectuoso da amiga de longe.

      Eliminar
  2. Estás triste, mas não nos esqueceste!

    Obrigada pelas flores!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  3. Meu amigo ,as flores são lindas!

    Que pena o computador (ainda)não transmitir o aroma, rrss

    E que as mulheres a quem amas(te) tenham também um bom Dia.

    Abraço grato, Carlos.

    ResponderEliminar
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  5. Agradeço do fundo do coração!
    Pelo menos aqui não somos discriminadas, levamos todas o mesmo lindo ramo de flores!

    Abraço

    ResponderEliminar


  6. Obrigada, Carlos! Vou levar o presentinho para o eu canto. Estou toda florida! :))

    Beijinho

    Laura

    ResponderEliminar
  7. As mulheres que me oerdoem, mas eu não ligo nada a este dia.
    Sou ferrenho adepto de uma igualdade de géneros e de certa forma, este "Dia" é discriminatório e algo machista.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Meu caro João, como eu era feliz que tudo que é discriminatório e algo machista em Portugal fosse o DIA INTERNACIONAL DA MULHER!!!

      Os homens também não precisam de ligar a este dia, por a luta é nossa e de mais ninguém.

      Eliminar
  8. Já visitei a sede. Li as crónicas sobre a cubana e a brasileira, só que não deixei comentários nem flores.

    ResponderEliminar
  9. Lamento não ter visto esta publicação antes, mas suponho que ainda vou a tempo de levar as flores! :)

    Obrigada e um beijinho, Carlos!

    ResponderEliminar
  10. Fiquei com vontade de ler essas crónicas, logo que tenha um tempinho hei-de dar uma vista de olhos...

    E como todos os dias são dias para receber flores, como leitora deste espaço levo hoje as minhas, obrigado!

    ResponderEliminar