terça-feira, 30 de abril de 2013

RM (9): Da Seara Nova ao sonho americano


Em Portugal partilha-se a euforia reinante na Europa. Surgem os primeiros night clubs, com epicentro no eixo Av. da Liberdade, Restauradores e Chiado. O Maxime é o expoente máximo das “noites loucas” dos lisboetas que incluíam doses generosas de cocaína. O seu consumo começou a ser visto com tal receio, que as autoridades decidiram afixar, à porta dos night clubs, listas de indivíduos considerados viciados a quem devia ser proibida a entrada. Em 1992 – um ano após Raul Proença, Jaime Cortesão e Câmara Reis terem lançado a Seara Nova- nasce o Parque Mayer.
No mundo das letras, a década começara com o lançamento do primeiro volume dos 
Ensaiosde António Sérgio- um dos mais brilhantes pensadores portugueses do primeiro quartel- eAquilino Ribeiro dá à estampa “O Malhadinhas” em 1922.
O ano de 1923 – que assinala a realização do 
I Congresso do Partido Comunista Português- é marcado em toda o mundo ocidental pela febre dos concursos de dança. Aliciados por prémios monetários encorajadores, os participantes são sujeitos a autênticas maratonas. Incitados pela assistência, só cedem à exaustão. Estava dado o primeiro passo para os desportos radicais e criado o tema de "Os Cavalos Também se Abatem" que viria a ser um enorme sucesso de bilheteira nos anos 60. Nesse mesmo ano, Johnny Weissmuller entra para a lenda ao bater os recordes mundiais de natação em 10, 200 e 400 metros. Estava encontrado o"Tarzan".
A sociedade de consumo entra em período de gestação com a abertura, em 
S.Francisco, do primeiro supermercado. E enquanto Hitler falha a sua primeira tentativa de assalto ao poder, é lançada a revista Time, inventado o relógio de pulso, o microfone e o aparelho para surdos.
No ano em que 
Pavo Nurmi ganha cinco medalhas nas Olimpíadas de Paris (1924) e morre Lenine, dois jovens de 19 anos, de famílias abastadas, raptam e assassinam um miúdo de 14 anos. Alegam tê-lo feito para testar a forma como a vítima reagia ao sofrimento e para testar a sua argúcia perante detectives da polícia, que consideravam de mente inferior. Os pais enxugam as lágrimas de desgosto com a mais recente invenção: os lenços Kleenex 
Para as donas de casa, a boa nova é a comercialização do 
secador de roupa centrífugo.

Chegada de imigrantes a Ellis Island


Os EUA contnuavam a abrir as suas fronteiras aos imigrantes, mas com algumas reticências. Ao chegarem a Ellis Island, a primeira coisa com que os emigrantes europeus deparavam era a estátua da Liberdade. Ali, podiam ler esta mensagem: “Vinde a mim, multidões cansadas e pobres com ânsia de respirar em Liberdade”. No entanto, antes de lhes ser concedida licença de permanência eram observados minuciosamente por médicos que, no caso de detectarem alguma doença, marcavam o ombro do imigrante a giz com uma letra que indicava a doença detectada. Para muitos, esse era o fim do sonho. Eram recambiados para as suas terras, acompanhados pelos analfabetos, pelos que tinham antecedentes criminais, ou ideias políticas consideradas radicais.


2 comentários:

  1. Tempos de grandes inventos com um "ASSASSINO" rondando...

    Beijinhos.

    ResponderEliminar