quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Já não há canções de amor ? (17)

Hey, girls!
Ainda se lembram que quando iniciei esta rubrica fiz um convite para que contassem alguns episódios relacionados com  canções românticas que animaram as vossas férias de Verão?
Eu dei o exemplo contando duas histórias . Esta completamente verdadeira e esta com alguma dose de presunção, mas que também foi real
Ora, aqui chegado, o que quero dizer-vos, girls and boys, é que continuo à espera que partilhem connosco as vossas estórias de Verão (sempre relacionadas com uma canção). Não precisam de a enviar... basta que a publiquem no vosso blog - com uma referência a esta iniciativa do On the rocks- me comuniquem e depois eu vou lá buscar o link.
Estou mesmo a ver que só o Pedro é  capaz de desbloquear a vossa timidez. Quase aposto que ele se vai chegar à frente...
AVISO: As estórias terão de ser publicadas nos vossos blogs até 31 de Agosto, porque depois é a minha vez de entrar de férias...

9 comentários:

  1. Eu sou mais dada a histórias que se aconchegam com mantas (no Outono e no Inverno) mas, cá estarei atenta às partilhas, através de um outro passatempo do CR descobri blogs interessantes, pode ser que encontre mais alguns :)

    ResponderEliminar
  2. Infelizmente, o amor nada quer comigo!!!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  3. Já nem me lembrava da canção, quanto mais do seu desafio. Será que estou a precisar de Memofante, ou as férias têm esse efeito de esponja??? :)))

    Mas gosto da música! O desafio, vou pensar, que assim à partida não me estou a lembrar de nada! :)

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  4. Excelente esta música, bem ao estilo das músicas da "Tamla Motown Records"...
    Muito bom !

    ResponderEliminar
  5. E já está - http://devaneiosaoriente.blogspot.com/2013/08/quem-e-que-disse-que-ja-nao-ha-cancoes.html

    ResponderEliminar
  6. Tenho que pensar... Acho que estou um pouco como a Teté, a precisar de Memofante. :)

    ResponderEliminar
  7. Amigo Carlos
    Este é um dos desafios que eu gosto, mas estou agora um pouco limitado, com um problema um pouco grave de saúde. Pode ser que até finais de Agosto eu dê sinais de vida. Até lá vou manter-me por NY e pode ser que ...
    Grande abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro amigo Kim
      O que lhe desejo é rápidas melhoras e que o problema de saúde se resolva. Com ou sem desafio, já sabe que gosto muito de o ver por aqui.
      Grande abraço e até breve

      Eliminar