terça-feira, 13 de agosto de 2013

Já não há canções de amor? (20)

Gal Costa é uma das minhas cantoras brasileiras preferidas. Esta canção é a versão brasileira de Lately, de Stevie Wonder e provoca-me sempre pele de galinha,
Estava agendada desde a semana passada mas, por coincidência, é publicada no mesmo dia em que outra cantora brasileira que adoro ( Maria Bethânia) vai aparecer aqui a ilustrar a história de uma leitora do CR que amavelmente participou no desafio  que lancei aos leitores do On the rocks.
Voltem mais logo para ler e ouvir...

7 comentários:

  1. Gosto da voz dela também.

    E como ficamos com a estória que é necessário acrescentar e de que eu não dei conta?

    Até posso arranjar duas canções , não sei é se estão disponíveis no youtube...e assim não vale a pena contar o que está ligado, né?

    Bom resto de dia

    ResponderEliminar
  2. Se a canção for essa, basta acrescentares o texto, São.-
    Caso contrário, escolhes outra canção e escreves outro texto, ok?
    Bom resto de dia também para ti, amiga

    ResponderEliminar
  3. Bom, vou tentar encontrar , pelo menos , uma delas,,,

    Abraço.

    ResponderEliminar
  4. As minhas preferêcnias sempre foram para a Gal Costa, em relação à Maria Bethânia.

    ResponderEliminar
  5. Também gosto muito da Gal e da voz dela. Com uma sonoridade diferente da de Bethânia, mas nestas coisas é mesmo assim... :)

    Beijocas!

    ResponderEliminar
  6. Bem, já vi que andei a perder muita coisa por aqui :(. Enquanto vou desfiando o divertido desafio e lendo as histórias dos seus leitores, deixo o meu testemunho sobre esta canção da Gal Costa, que trauteio várias vezes, sem nunca ter sabido o título. Há qualquer coisa nesta canção que me colou à pele quando a ouvi, há muito anos atrás, não sei bem onde (eu diria que numa novela, mas qual??)
    Que engraçado vir encontrar esta canção aqui, sem estar à espera. É que a canto mesmo muitas vezes. Ele há coisas :)

    beijinho

    ResponderEliminar