quarta-feira, 14 de maio de 2014

Sorrisos orientais



Dois turistas brasileiros estão de férias em Portugal quando vêem uma loja com o seguinte anúncio:
- Calças: 5,00 euros;
- Camisas: 3,00 euros;
- Fatos: 8,00 euros.
 Um dos turistas vira-se para o outro e fala:
 - Poxa! Isso é muito barato, nós podemos comprar e levar para o Brasil para vender lá. Vamos ganhar um bom dinheiro.
 O segundo concorda e diz:
 - Você tá certo. Vamos lá. Mas deixa eu falar, porque meu pai é português e eu sei imitar o sotaque com perfeição. Se notarem que somos brasileiros pode ser que não vendam para nós.
 Então, os dois  entram na loja e pedem cem camisas, cinquenta calças e cinquenta fatos, com um sotaque impecável. 
O empregado pergunta :
 -  Vocês dois são brasileiros, não são?
 Assustado com o “flagra”, o filho do português fala:
 - Sim, mas como você descobriu?
 - Foi simples. Isto aqui é uma lavandaria…

NÃO PRECISA CORTAR...


Um sujeito casado volta de uma viagem de negócios na China onde  aproveitou para conhecer algumas garotas de programa. Quando volta seu pênis está todo verde. Esconde isso da mulher do jeito que pode e vai consultar um médico. O médico olha o órgão do sujeito e diz debochando: 
- Ahaha! Você foi para a China! 
- É verdade. 
- E conheceu umas garotas de programa! 
- É verdade! 
- Infelizmente, isso não tem cura. Vamos ter que cortar!
 O sujeito nem acredita no que ouve. Pede a opinião a outro médico, mas o diagnóstico é o mesmo. O sujeito está super deprimido, e vai consultar um urologista que também confirma o diagnóstico. Decide então confessar suas escapadas à mulher que, depois de uma boa descompostura, o aconselha a ver um médico chinês, um legítimo, lá na China. 
O sujeito volta então à China e marca uma consulta com um médico de renome. Ao examiná-lo, o médico dá uma risadinha:
 - Heheheh! O senhor esteve na China recentemente! 
- É verdade.
 - E o senhor andou a divertir-se  com as garotas?
 - É verdade. 
- E o senhor foi ver um médico brasileiro? 
- É verdade.
 - E o médico brasileiro lhe disse que teria que cortar?
- É verdade. -
- Médico brasileiro não sabe nada! Não precisa cortar. 
O sujeito nem acredita! Seu pesadelo acabou! 
- Então existe um tratamento para isso? 
- Não, mas não precisa cortar. Cai sozinho.

4 comentários:

  1. Bem mais engraçadas do que as piadas do Joãozinho!!!

    "Não, mas não precisa cortar. Cai sozinho." é a vingança da espadinha!!!

    ResponderEliminar
  2. Adorei. A segunda está o máximo!!!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  3. ~ Bem divertidas, Carlos! Então a segunda!

    ~ Boa partilha.

    ResponderEliminar

  4. Ui ui... isto por aqui anda muito divertido!! O que eu tenho andado a perder Carlos!!
    :D
    As minhas férias já estão no horizonte. Depois terei mais tempo para me saciar e ler o que ficou para trás.


    Beijinhos em diferido
    (^^)

    ResponderEliminar