sexta-feira, 13 de março de 2015

Comparações

Terminada a primeira semana de exibição, já se pode dizer  que  Borgen era uma brincadeira de crianças, quando comparada com "Os Influentes".
É curioso comparar o comportamento político num pais escandinavo, com um país latino, mas muito significativa é também uma mensagem deixada pelo director de campanha de Anne Visage no episódio de ontem: 
"Quando apoiei o anterior presidente, a campanha era um combate ideológico. Hoje em dia é uma venda de produtos".

2 comentários:

  1. Gostei de uma e estou a gostar desta mas ao mesmo tempo é uma decepção saber como tudo se passa.
    xx

    ResponderEliminar
  2. Parece boa essa produção francesa _ estou vendo uma americana' House of cards'-um drama politico com Kevin Spacey _gosto daquele jeito antipático dele rsrs
    Bom fim de semana Carlos

    ResponderEliminar