terça-feira, 18 de agosto de 2015

Uma bela história

Michel Fugain terá tido apenas um grande sucesso, mas estava sempre presente nos inocentes  bailaricos estivais.
E hoje apetece-me mesmo ouvi-la, para reviver a minha vida que também foi um belo romance. 

22 comentários:

  1. Esta diz-me tanto... Leva-me ao tempo das colónias de férias, eu com os meus 12 ou 13 anos... Cantávamos à volta de uma fogueira, ou nas caminhadas...

    ResponderEliminar
  2. Sei a letra toda! Boas recordações.
    bjs

    ResponderEliminar
  3. Gosto das calças à boca de sino que me lembro perfeitamente. Já a canção não conhecia.

    ResponderEliminar
  4. Esta não conta nenhuma parte da minha história de vida!

    Se algum dia a ouvi, de pronto a esqueci...

    Janita

    ResponderEliminar
  5. Não conheço mesmo, a única recordação que me trouxe foi a do meu falecido marido ao ver a barba e a roupa do cantor.

    A do post anterior também não conheço.

    Um beijinho Carlos

    ResponderEliminar
  6. Também não me recordo desta música :(

    ResponderEliminar
  7. Ontem ao ver "A Grande Beleza" lembrei-me do Carlos.

    Jep Gambardella tem 65 anos de idade; também se esconde no fundo do seu baú de recordações, fugindo assim à realidade.

    A sua vida não foi um belo romance, Carlos, a sua vida é AINDA um belo romance.

    ResponderEliminar
  8. Esta, fez-me voltar à minha juventude, a fase melhor da minha vida!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  9. Ótima Carlos faz recordar amores amizades carinhos passeios tudo de bom!
    Boas escolhas _obrigada

    ResponderEliminar
  10. Oh se me lembro! Até comecei logo a gingar na cadeira.
    Já agora vou deixar a melhor recordação, não dos bailes de garagem, mas do de açoteias, ao ar livre e com noites deslumbrantes. Não era cantada por esta senhora, mas ao mesmo tempo fez-me lembrar um grande filme com ela e duas irmãs famosas, uma dela faleceu pouco depois: Les Demoiselles de Rochefort: https://www.youtube.com/watch?v=vpsi4XpPRwk

    ResponderEliminar
  11. Esta música traz-me lembranças de verão tão especiais :) Excelente escolha!

    ResponderEliminar
  12. Estou a ficar preocupada com o seu silêncio, Carlos!!!

    ResponderEliminar
  13. Para si, Carlos...esperando que regresse brevemente:

    AS MAIS BELAS CANÇÕES DE "SI JE CHANTE".

    Um abraço fraterno.

    Janita

    ( fez bem, prefiro chegar aqui e ver tudo como sempre foi)

    ResponderEliminar
  14. Olá meu Amigo, vim deixar o meu abraço.

    Adélia

    ResponderEliminar
  15. Amigo Carlos,o inverno está a chegar, é tempo de calçar botas e pôr a boina e ir à luta sabendo que:"esperar não é saber,quem sabe faz a hora, não espera acontecer."

    Grande,grande abraço.

    ResponderEliminar
  16. Hoje trago-lhe um raio de Sol, Carlos... ☀

    Janita

    ResponderEliminar
  17. Venho muitas vezes ao "on the rocks"...reler crónicas, matar saudades...
    Recuso-me aceitar este vazio, a ausência definitiva.
    Enquanto isso me for permitido e até ordem em contrário - venha de onde vier - não deixarei de o fazer.
    Não é masoquismo, é crença!
    Hoje reli este seu texto acerca de um filme:
    "Maladie D'Amour" :

    http://cronicasontherocks.blogspot.pt/2012/12/maladie-damour.html

    Para acompanhar, trouxe mais uma bela canção francesa:

    "LA MALADIE D'AMOUR"

    Um abraço!

    Janita

    ResponderEliminar
  18. Que bom recordar esta bela canção! Acredita que lhe tinha perdido o "rasto"? É que não me lembrava do título.
    Abraço.

    ResponderEliminar
  19. Boas memórias é o mais importante, Carlos.
    Passar pela vida sem nada para recordar é que deve ser muito triste.

    ResponderEliminar